segunda-feira, 14 de março de 2011

 
Qualquer hora dessas, o sol vai deixar de brilhar...

Mas isso não importa, a lua ainda brilhará dia e noite...
Qualquer dia desses, as estrelas vão cair...
Mas ninguém precisa ter medo, o oceano as receberá em suas águas...
Algumas coisas costumam acontecer na hora errada, outras coisas acontecem na hora certa.  A sublimidade do ser humano, é capaz de tornar as coisas perfeitas...
A paz interior de cada um e o desejo de busca, influenciam o encontro... O perfeito encontro.
Mesmo que o encontro seja inusitado. (Seria a mesma coisa?)
Sei que pode se tornar real, por causa da sublimidade e da paz interior, e da busca da paz que cada ser tem dentro de si.
A hora do encontro, aqui ... mas pode ser lá ...
Que nesta hora o sol ainda brilhe mais um pouco e a lua encante um pouco mais ...
E as estrelas esperem um pouco mais para cair ...
Não haverá medo, haverá a sublimidade do dever cumprido.
Meu Deus !!! Que momento surpreendente !!!

2 comentários:

leacir disse...

Soninha, sabemos que o sol e a lua tem brilhos proprios, nuvens sempre aparecerão para inibir suas luzes, temos certeza que esta nuvem passara e terás o brilho novamente.Fé acima de tudo. bjs

jose vitor lemes disse...

Dentro de cada tempo cabe um brilho, se o sol deixar sua luz a lua pedirá juízo para as estrelas... Tudo tornará igual; as estrelas não cairão e "Não haverá medo, sim... haverá a sublimidade do dever cumprido".

Sônia, você caprichou, esta poesia é linda!

Beijos